Itajaí - Centro
47 3045-5200

Histórico

Desde sua fundação até os dias de hoje

 


1988
Otílio Dalçóquio e Paulo Cruz fundam o Curso Pré-Vestibular Unificado, instalando-o no antigo prédio da Escola Técnica de Comércio de Itajaí.

1989
Diante do grande sucesso da iniciativa, o Unificado abre turmas de ensino Médio (então, 2º grau) em Itajaí.

1990

O Unificado abre turmas de 6º ao 9º anos do Fundamental (então, 5ª a 8ª séries do 1º grau) em Itajaí.

1991

O Unificado abre uma unidade num andar do Edifício Sibara, na avenida Brasil, em Balneário Camboriú, com turmas de 6º ano do Fundamental ao Terceirão e Pré-Vestibular.

No final do ano, Paulo e Otílio vendem o Unificado a cinco professores e uma funcionária, que dividem assim as funções: Sidney Silva assume a direção de Itajaí, Castelo Gazzoni e José Domingos de Andrade assumem a direção de Balneário, Alexandre Kleis assume a direção de Ensino, Hélcio Cruz assume a direção administrativo-financeiro e Iolanda Cunha assume a secretaria geral.

1992

Iolanda sai da sociedade, mas continua trabalhando no Unificado.

1993

O Unificado transfere a unidade de Balneário para a rua 1822, tranquila e a 500 m da praia, num prédio que, além do térreo, tinha três andares, oito salas de aula e um pequeno pátio, coberto.

1994

Diretores da CDL de Itapema propõem a instalação de uma unidade do Unificado na cidade. Andrade, designado para a tarefa, aluga um prédio em construção na rua 318, em Meia Praia, e conclui a obra.

1995

Em fevereiro a unidade de Itapema começa a funcionar.

A prefeitura de Itapema, em troca de seis bolsas de estudo durante cinco anos, doa um terreno defronte a este prédio ao Unificado.

1996

Otílio, que continuou dando aulas, retorna à sociedade, que passa a ter seis sócios (razão pela qual sua logomarca é um hexágono).

1997

Parte do prédio da unidade de Itajaí é demolida e em seu lugar começa a construção de um ginásio de esportes.

1998

O Unificado implanta o sistema de avaliação por créditos.

Em fevereiro é inaugurado o novo prédio da unidade de Itapema, na rua 318, com dois andares e oito salas de aula.

Em agosto, o Unificado passa a trabalhar com os princípios da Qualidade Total, criando o Uniquali, registro de todos os seus procedimentos operacionais padronizados.

1999

Em fevereiro é concluído o ginásio de esportes da unidade de Itajaí.

Em maio começam as obras do novo prédio da unidade de Balneário, duas quadras abaixo na mesma rua 1822.

2000

Em janeiro Andrade deixa a sociedade; Sidney assume a direção de Itapema e Hélcio a de Itajaí.

Em fevereiro são inauguradas as novas instalações da unidade de Balneário: 17 salas em dois andares, biblioteca, pátio coberto, auditório e um ginásio de esportes no terceiro andar.

Em junho Alexandre passa a acumular a direção administrativo-financeira.

Em dezembro Otílio deixa a sociedade.

2001

Em julho Hélcio deixa a sociedade; Alexandre acumula a direção de Itajaí.

Há tempos o Unificado acalentava a idéia de ter uma área na zona rural para a instalação de uma “escola de campo”, um local onde os alunos, em contato com a natureza, desenvolvessem suas atividades educacionais; em julho é comprada uma área de 30 hectares na localidade de Rio do Meio, a 12 km do centro de Itajaí.

Em outubro, numa reforma administrativa, Sidney assume a direção de Ensino, Alexandre a direção administrativo-financeira e Castelo a direção geral das unidades.

A Associação Empresarial de Itajaí (ACII) concede ao Unificado o prêmio "Empresa de Pequeno Porte" do ano.

2002

Em março começa a funcionar a Escola de Campo, e as unidades têm novos diretores: Christiane Cesário Pereira em Itajaí, Ayres Rodrigues da Silva Neto em Balneário e Deisi Renata Oliveira, em Itapema; na direção de Ensino, Tayana Tomazoni assume a direção-adjunta.

Parte do antigo prédio da unidade de Itajaí é derrubada e em seu lugar é construído um novo prédio, com três andares e quinze salas de aula.

2003

Em janeiro o Unificado passa a administrar o Colégio São Francisco, de Gaspar, assumindo a direção Gilson Ferreira.

Em fevereiro é inaugurado o novo prédio da unidade de Itajaí.

Em julho Sidney deixa a sociedade e Castelo e Alexandre tornam-se diretores gerais; Tayana assume a direção de Ensino e a coordenação administrativo-financeira fica a cargo de Ocemar Bernardes Júnior.

2004

Após mais de dez anos usando o material didático do Expoente, o Unificado associa-se à Rede Pitágoras e passa a adotar este material.

Conseguindo estancar, mas não reverter a queda de alunos na nova unidade de Gaspar (que vinha constante desde 1998), o contrato de administração com o São Francisco é rescindido no final do ano.

No final deste ano, Benedito Batista de Souza, funcionário da empresa desde 1992, assume a coordenação administrativo-financeira.

2005

Numa reestruturação administrativa, os sócios retomam funções do dia-a-dia da empresa: Alexandre reassume a direção de Ensino e Castelo a direção da unidade de Itajaí.

Nas turmas de 6º do Fundamental a 2º do Médio, o Unificado adota a Tutoria.

2006

Em fevereiro é inaugurada uma nova unidade em Balneário (na avenida do Estado), voltada à educação infantil: o Unificado Kids.

Em agosto entra no ar o site do Unificado.

2007

Após um ano de discussões internas, o Unificado decide adotar o material didático do Positivo.

Em maio Castelo passa a acumular a direção da unidade de Balneário, contando com dois vice-diretores: Ayres e Christiane.

Em agosto, após alguns meses de negociação, o Unificado anuncia que fará uma parceria com o Colégio Liderança, de Itajaí, surgindo, nesta cidade, o Colégio Unilíder.

No final do ano, Christiane deixa a vice-direção da unidade de Balneário, sendo substituída por Jeanne Ortiz.

2008

Em fevereiro, na rua Anita Garibaldi, o Unilíder começa a funcionar, com a grande maioria dos alunos das duas instituições se matriculando; Castelo divide a direção da unidade com Maria Tereza Cesar, ex-proprietária do Liderança.

Em outubro, por motivos pessoais, Maria Tereza deixa a sociedade.

2009

Em junho é criado o Grupo Unilíder de Poesia (GUP), com alunos do ensino Médio.

No final do ano, Ayres deixa a vice-direção da unidade de Balneário.

2010

Em fevereiro Adilson Landal passa a acumular a Coordenação de Turno do Médio no Unilíder com o cargo recém-criado de vice-diretor da unidade.

Em julho o Unilíder volta a se chamar Unificado.

2011

Em dezembro Alexandre e Castelo completam vinte anos à frente do Unificado.

2012

Em dezembro o Unificado firma parceria com a Construtora Profor para a construção de novo prédio em Itapema, em terrenos contíguos ao do atual prédio.

2013

Em fevereiro o site do Unificado é renovado.

Em março o Unificado completa 25 anos de fundação.

Em julho, Deisi deixa a direção da unidade de Itapema. Castelo assume, secundado por Roney Baptista na vice-direção. 

2014

Em fevereiro o novo prédio em Itapema é inaugurado.

Em outubro o Unificado firma parceria com proprietário de terreno no São Vicente, em Itajaí, para a construção de uma nova unidade neste bairro da cidade.

Ainda em outubro começa a ser construído o Código de Ética do Professorado do Unificado.

2015

Em novembro o Unificado e o Plenitude unem suas atividades no Fundamental I em Itapema.

Em dezembro Roney deixa a vice-direção da unidade de Itapema, sendo substituído por Helle Borges de Lima.

2016

Em abril o Unificado firma parceria com a Construtora CK para a construção de uma nova unidade na rua Rodolfo Kucher, no São Vicente, em Itajaí. Em maio a obra é iniciada.

Em agosto o Unificado firma parceria com a Construtora Venturin para a construção de novo prédio para o Fundamental I na rua 1542, em Balneário.

Em setembro começa a ser elaborado pelo escritório da arquiteta Liege Chriaradia Ferreira o master plan da área do Unificado no Rio do Meio, visando a futura instalação de uma escola de período integral no local.

Em dezembro Bárbara assume a vice-direção de Ensino, cargo recém-criado; Alexandre torna-se diretor geral.

2017

Em fevereiro a nova unidade do São Vicente é inaugurada, com Daiana Reig dos Santos assumindo a vice-direção.