Itajaí - Centro
47 3045-5200

SAIBA MAIS / Plano de Trabalho 2016

Posição em 2/dezembro/2016

 


AÇÕES CONCLUÍDAS


Revisar a rotina de entrada e saída dos alunos do turno vespertino da unidade de Itapema ― revisamos a Inf. 68.


Revisar a norma que trata da segurança no Kids ― dividimos a norma em duas; a Inf. 76 trata da entrada e saída dos alunos e o PO 101 trata da entrega de crianças.


Criar e fazer funcionar as salas de estudo do Médio ― frequência até final de junho estava em 3,0 alunos por disciplina por unidade.


Implantar reuniões dos professores do Fundamental I por unidade ― já ocorreram nas três unidades; avaliaremos propriedade e eficácia.


Consolidar a norma que estabelece as funções do gerente escolar da Escola de Campo, inserindo-a no Uniquali ― criamos a Inf. 66, cuja elaboração começou em julho/2015.


Revisar o PO 76, a norma que trata da dispensa dos alunos na Educação Física ― revisamos em junho.


Sistematizar o uso dos tablets no Fundamental I para acessar o Portal Positivo e outros sites cada professora usa em média em duas aulas os tablets ao longo de dez semanas; assunto foi para discussão no CAdAm.


Aprimorar e engrenar sistema diferenciado de avaliação de alunos com necessidades especiais equipes de professores do Fundamental II já estão adaptando as provas conforme a síndrome dos alunos com necessidades especiais.


Realizar reuniões com grupos de professores para discutir conflitos e suas soluções, normatizando a prática iniciamos as reuniões em julho; estabelecemos a sistemática e ano que vem incluiremos no Calendário Escolar e normatizaremos.


Estudar a possibilidade da criação de eventos escolares específicos para o 1º e 2º do Médio ― propostas foram enviadas para análise do CAdAm.


Desenvolver palestras e oficinas visando capacitar o professorado a lidar com alunos com necessidades especiais psicóloga Tatiana Loddo deu palestra para a equipe do Fundamental I; educadora especial Fabiana Lorenzoni reuniu-se com cada equipe do Fundamental II e Médio.


Revisar o PO 07, de agosto/2006, a norma que trata das aulas de apoio do Fundamental I tornou-se a Inf. 135; no formato das demais normas de reforço escolar; está sendo aplicado, em forma de projeto-piloto, uma oficina de alfabetização no 1º do Fundamental de Balneário. 


Ajustar a Inf. 122, a norma da Atividade Recreativa, e a Inf. 123, a norma do Torneio Esportivo ajustadas; norma do Torneio Esportivo foi dividida em duas (uma para masculino, outra para feminino); adicionalmente, foi ajustada a Inf. 120, do Torneio de Encerramento.


Definir como se dá Arte no Kids Inf. 133 elaborada.


Engrenar definitivamente o monitoramento do Orçamento nas unidades normas revisadas, procedimento engrenado.


Aprimorar o relato dos acidentes no Kids procedimento estabelecido, faltando ser testado.


Definir critérios para concessão de créditos extras no Terceirão elaborada Inf. 53.


Aprimorar a coleta seletiva coletores instalados, sistemática estabelecida, Zé Limpinho atuando.


Engrenar definitivamente o funcionamento dos ecopontos banner substituído, sistemática estabelecida.


Aprimorar o acompanhamento do lançamento das notas no ASP Escola pelos professores ASP 03 revisada; processo sendo engrenado.


Estudar a situação da elaboração dos Históricos Escolares, tomando como base a Inf. 99 e a legislação educacional norma revisada; deflagrado procedimento para pôr em dia situação do 9º do Fundamental e Terceirão.


De março a outubro, revisar amplamente o Projeto Político Pedagógico (PPP) do Unificado concluído em outubro; será colocado no site.


De abril a outubro, idealizar curso de capacitação em aulas expositivas e pôr em funcionamento formato definido; em 2017 poremos em funcionamento.


Ao longo do primeiro semestre, aprimorar o software Mestre, melhorando layout e criando novos relatórios Mestre aprimorado e novos relatórios criados; layout será melhorado em 2017.


De maio a julho, definir critérios de avaliação do professorado da Educação Infantil, levando em consideração a execução da rotina avaliação do início da rotina e da assembleia, das atividades dirigidas e das demais rotinas da tarde já definidas, bem como cronograma anual.


De julho a outubro, trabalhar nas normas do Uniarte, revisando o PO 02, que trata dos preparativos iniciais, e finalizando o PO 32, que trata dos preparativos finais e da execução — tarefa feita no final de novembro, após reunião do CAdAm.


De agosto a outubro, revisar as normas que tratam dos Conselhos de Classe de final de ano (PO 44, pré-Exame, e PO 109, pós-Exame) — registro das decisões aprimorados; normas serão alteradas oportunamente.


Em setembro, concluir revisão das normas de transferências de alunos, implantando processo — PO 40, de recepção do pedido, PO 07, de trâmites internos, e PO 106, de trâmites intermediários e finais, revisadas; processo implantado.


Em setembro, criar grupo de trabalho para discutir aprimoramento das operações do Caixa da unidade, na esteira do caso Neura Sopelsa — normas de operação do Caixa elaboradas, em processo adiantado de implantação.


Em setembro e outubro, revisar o formulário EP 57, dos Trabalhos do Fundamental II — formulário revisado, diminuindo número de trabalhos em grupo em casa no 1º trimestre.


Em setembro, definir forma de avaliação de Filosofia & Sociologia e de Arte no Médio — formato redefinido.


Em setembro, avaliar Torneio de Seleções, reestruturando o evento — modelo completamente revisado.


Em setembro, definir proposta para oferecer Orientação Vocacional ao longo de todo o Ensino Médio — proposta elaborada; detalhamento será feito em 2017.


Em setembro, definir formato de um “laboratório de Redação” no Ensino Médio — formato definido.


 


AÇÕES CONCLUÍDAS, FORA DO PLANO DE TRABALHO


De maio a agosto, revisar o PO 42, a norma da elaboração do planejamento do Fundamental I norma datava de 2007.


 


AÇÕES INICIADAS, MAS NÃO CONCLUÍDAS


De agosto a outubro, elaborar cronograma de treinamento aos auxiliares de Secretaria e de Coordenação — software de gerenciamento sendo criado; meta para próximo ano.


Em março, resolver definitivamente a questão do controle de frequência dos alunos há divergências entre dados do sistema e dados do Portal do Aluno, que serão resolvidas em 2017.


Em setembro, criar grupo de trabalho para discutir aprimoramento da segurança da entrada e saída dos alunos do turno vespertino, na esteira do caso da vizinha sorrateira — normas revisadas; em fevereiro, sem fechamento das unidades para almoço, serão feitas novas alterações.


De março a abril, consolidar a redação dos diversos e-mails enviados via ASP Escola pela Secretaria Escolar e pela Coordenação de Turno aos pais, a partir de material de agosto/2012 procedimento com circulares estabelecido; avisos da Coordenação de Turno do Fundamental II definidos; avisos dos eventos em discussão.


Em junho, levantar e analisar preços de cerca de quinze produtos básicos à venda nas cantinas do Unificado trabalhos iniciados.


 


AÇÕES POSTERGADAS


Normatizar o Simulado Especial do 1º e 2º do Médio.


Elaborar a Inf. 118, a norma da Homenagem aos Pais.


Elaborar normas RH xx dos cargos da Administração Central.


Estudar procedimentos para dias de chuva com ida à Escola de Campo.


Estudar o PO 39, a norma que trata dos alunos com necessidades especiais, verificando sua aplicação.


Implantar a Inf. 90, a norma que descreve o relacionamento do Unificado com terceiros.


Idealizar e implementar simulados on line para o Médio.


Aprimorar o esquema de ida e volta do malote.


Verificar a qualidade e a frequência das tarefas de casa no Fundamental I.


Alterar as provas de seleção de professores.


Definir critérios de avaliação do professor do Fundamental I na “sequência didática”, metodologia adotada pelo material do Positivo.


Estudar as reprovações de alunos.


Criar mecanismos para verificar o cumprimento dos preceitos estabelecidos nas normas RH ― como uso do uniforme, do crachá, do e-mail, do Skype...


Estudar a profissionalização da produção do jornalzinho do Kids.


Revisar a Inf. 103, a norma do Passeio Recreativo.


Normatizar as palestras aos pais.


Revisar PO 24, norma que trata de avaliação de criança fora de idade.


Dimensionar o tempo de aula utilizado com datashow pelo professorado.


Idealizar pesquisa com os alunos do 1º e 2º do Médio de avaliação da equipe de professores do segmento.


Formatar o Centro de Aperfeiçoamento do Professor (CAP), a partir das premissas estabelecidas pelo CAdAm em 23/agosto: (a) capacitação do professorado no uso do material didático do Positivo, (b) alteração da sistemática de elaboração dos planejamentos didáticos, (c) apropriação pelo professorado do conceito de competências e habilidades, (d) elaboração de documento que defina o que cada aluno deveria aprender ao final de cada série em cada disciplina.


Estudar a dinâmica das aulas de Educação Física.


Buscar tornas mais eficazes as aulas de reforço escolar.


Normatizar procedimentos básicos em Matemática.