◄ VOLTAR

UNIQUALI

NORMAS



10.05.2016
Inf. 66/01 | Cotidiano do gerente escolar na Escola de Campo

 

O gerente escolar vai para a Escola de Campo no último ônibus que sair da unidade de Balneário. Às sextas-feiras em que as unidades de Itajaí e Itapema vão, vai no ônibus que sair da unidade de Itajaí.

 

Chegando à Escola de Campo, o gerente escolar recolhe os formulários “Recados de Pais” (GC 87) trazidos pelos acompanhantes dos ônibus, bate o sino e acompanha a ida das crianças com os professores às diversas atividades, instalando-se em sua sala.

 

Ao longo do dia, o gerente escolar:

controla a frequência dos alunos (PO 91),

controla o ponto dos professores (AA 35),

acompanha a troca das aulas,

atende pedidos diversos de professores e alunos,

atende acidentes,

supervisiona o horário das refeições e dos recreios,

acompanha a saída dos alunos (PO 91), retornando à unidade de Balneário no último ônibus.

 

Semanalmente, o gerente escolar envia ao gerente de Ensino os controles de frequência de alunos.

 

Em relação aos professores, o gerente escolar tem as funções de cobrar procedimentos e a de atender pedidos. Particularmente, o gerente escolar cobra:

respeito aos horários de início e término de cada aula,

assinatura do ponto,

atenção às crianças durante almoço e recreio,

acompanhamento da saída dos alunos,

informando, se necessário, à respectiva Coordenadora de Turno,

execução do planejamento,

informando, se necessário, à Coordenadora Pedagógica do Fundamental I.

 

O gerente escolar atende pedidos diversos, como providenciar insumos e utensílios (usando o AA 79), montagem de datashow, compra de materiais artísticos e esportivos.

 

Em relação às crianças, o gerente escolar, como dito, acompanha a entrada, atende acidentes, supervisiona horário das refeições e dos recreios, cuida da disciplina e acompanha a saída dos alunos.

 

Para atender acidentes, o gerente escolar deve ter a pasta com os questionários básicos de saúde e manter a “farmacinha” abastecida. Acontecendo um acidente, telefona à Secretária Escolar (se pela manhã) ou à CT (se à tarde), relatando o episódio. Ato contínuo, envia e-mail a quem telefonou, com cópia ao Vice-Diretor e aos Diretores Gerais.

 

Durante as refeições, o gerente escolar, com a merendeira e as professoras, acompanha as crianças nas filas do buffet, evitando desavenças e cuidando para que não haja desperdício de comida.

 

No cuidado com a disciplina, o gerente escolar atende às situações de conflitos entre alunos, buscando sempre ter a presença de ao menos um professor. Se necessário, retém o aluno fora da atividade algum tempo, e envia e-mail à CT, relatando o episódio. (No dia seguinte, a CT conversa com a criança e, se considerar pertinente, registra uma ocorrência.)

 

Se o problema disciplinar envolver um grupo de alunos, ou mesmo uma turma toda, o gerente escolar discute com os professores envolvidos e, juntos, decidem se deve ser promovida uma assembleia; decidindo realizar, um professor a conduz, com a presença do gerente escolar.

 

É ainda tarefa do gerente escolar monitorar o Orçamento, lançando as despesas no ASP Escola, mas não é tarefa, por exemplo, comprar mantimentos para a cozinha (a cargo da merendeira) ou mandar cortar a grama (a cargo do caseiro).

 

Por fim, cabe ao gerente escolar, no início de cada mês:

informar ao gerente de Ensino o número de idas das turmas à Escola de Campo,

realizar o fechamento do ponto.

 

Arquivos para download

Inf. 66 Cotidiano do gerente escolar da Escola de Campo DOWNLOAD